20 OUT
Igreja de São Roque | 21h30
Coro Gulbenkian
De Profundis
19h30 | Visita Guiada ao Museu de São Roque
21h00 | Atelier Infantojuvenil no Museu de São Roque

Imagem: Pedro Ferreira



De Profundis. Obras de Carrapatoso, Pinho Vargas, Verdi e Pärt, entre outros.

A obra coral De Profundis, de António Pinho Vargas, não existiria sem a relação construída previamente com o maestro Paulo Lourenço em torno do Requiem e do Magnificat, também de Pinho Vargas. Perante o pedido do maestro de uma peça coral para os seus alunos, Pinho Vargas lançou-se à escrita de uma composição a cappella que nunca ousara sequer sonhar, mas que foi editada em CD em 2017, com interpretação do Coro Gulbenkian e de Paulo Lourenço. Do programa do ciclo Música em São Roque faz também parte a peça Virgem Mãe de Deus (Bogoróditse Djévo) de Arvo Pärt, a partir de um texto de adoração e louvor à Virgem Maria retirado da liturgia ortodoxa russa.



Coro Gulbenkian
Paulo Lourenço | Maestro