Café Memória Geral
Destaques
Expressões Idiomáticas Portuguesas no Café Memória
Realiza-se no próximo sábado, 13 de janeiro, uma nova sessão do Café Memória, que terá como tema as expressões idiomáticas portuguesas. Participe!

A Cafetaria da Casa do Pessoal da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa recebe pelas 10h00 do próximo sábado, dia 13 de janeiro, a primeira sessão de 2018 do Café Memória.

As expressões idiomáticas, existentes em todas as línguas, são frases de uso comum, criativas, características de um idioma e que não se traduzem literalmente em outras línguas. A sua interpretação em nada tem a ver com o seu sentido literal: por exemplo, quando dizemos "ir aos arames", estamos a utilizar uma frase idiomática que significa "irritar-se muito ou ficar furioso".
 
No encontro, do próximo sábado serão lembradas algumas das centenas de expressões idiomáticas portuguesas que existem e falar-se-á sobre o seu significado.    
É caso para dizer que a próxima sessão do Café Memória "vai dar pano para mangas"!

Relembramos que o Café Memória é um ponto de encontro destinado a pessoas com problemas de memória ou demência, bem como aos respetivos familiares e cuidadores, tendo como principais objetivos a partilha de experiências e o suporte mútuo, contribuindo assim para melhorar a qualidade de vida e reduzir o isolamento social.

Esta iniciativa, alargada em 2017, realiza-se em quatro locais distintos: São Roque e Campo Pequeno (2º sábado/mês); Espaço Atmosfera M (3º sábado/mês) e Marvila (4º sábado/mês).

Lembramos ainda que a entrada faz-se pela Portaria da Santa Casa que dá para a Rua São Pedro de Alcântara, mesmo junto ao Elevador/Elétrico da Glória.

Café Memória no Campo Pequeno

A próxima sessão Café Memória Campo Pequeno, contará com a presença de Ana Grosso, Enfermeira na Unidade de Saúde Dr. Domingos Barreiro da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, que nos irá falar sobre: “Estratégias de adesão à medicação”.

Os medicamentos são uma parte integrante da vida da maior parte dos idosos. A sua administração requer, muitas vezes, uma organização que permita assegurar a toma correta, à hora certa, todos os dias. Em determinadas condições clínicas, nomeadamente as que implicam alterações cognitivas, esta situação torna-se mais difícil necessitando, por vezes, de ajuda de terceiros para a sua gestão.

Neste encontro iremos partilhar sugestões que podem ajudar a tornar a convivência com os medicamentos mais fácil, contribuindo para um tratamento bem sucedido.
 
No próximo sábado, dia 13 de janeiro, pelas 10h00, contamos consigo na Biblioteca Palácio Galveias.

Sobre a oradora:

A Enfermeira Ana Grosso, formada pela Universidade Católica de Lisboa, é especialista em Saúde Comunitária, com pós-graduação em Saúde e Envelhecimento pela Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa.

A participação em ambas as sessões é gratuita e não exige inscrição prévia.

Contactos úteis:
E-mail: cafe.memoria@scml.pt
www.cafememoria.pt

10 de janeiro de 2018

Facebook