Site Temporada
Destaques
Novo site no 30º aniversário da Temporada
A Temporada Música em São Roque apresenta-se com uma imagem renovada, mantendo-se fiel aos valores que a tornaram numa referência na promoção da música clássica portuguesa. As candidaturas estão abertas até 28 de maio.

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) tem-se empenhado ao longo dos anos no desenvolvimento de uma política de salvaguarda e valorização do património cultural e artístico à sua guarda, com o objetivo de dignificar e evidenciar a cultura como instrumento do desenvolvimento humano e da coesão social, colocando-o ao serviço e fruição da comunidade.

Pioneira desde a sua fundação em várias áreas, também na cultura, procura alcançar novos públicos, apresentar novas abordagens, abraçar novas experiências mas sobretudo abrir portas a todos os públicos.
Prosseguindo  esta política de promoção da cultura, a Temporada Música em São Roque já vai na 30ª edição, tendo a decorrer as candidaturas até 28 de maio.

Ao longo das várias edições, a Temporada tem sido palco de audições modernas de compositores que por vários motivos, estavam esquecidos nas estantes dos arquivos e das bibliotecas, mas, por outro lado, tem apoiado jovens talentos, músicos e compositores dos nossos tempos.

Este evento musical assenta em essencialmente em quatro linhas principais:
  • A qualidade dos intérpretes e a variedade da programação.
  • Locais diversificados de concerto, como o Convento de Santos-o-Novo e o da Convento da Encarnação ou Igreja de São Roque, prosseguindo assim uma estratégia de divulgação do património da SCML e revelando ao público através de visitas guiadas estes cenários únicos. Este ano, com a particularidade de iniciarmos um novo ciclo, com a presença de uma igreja convidada, a Igreja de Nossa Senhora do Loreto, que comemora este ano os seus 500 anos.
  • Cariz formativo dos concertos que são antecedidos por breve apresentação de musicólogos.
  • O apoio à Cultura Nacional através de uma presença mais acentuada de música de compositores portugueses e de expressão portuguesa.
Para Margarida Montenegro, diretora da Cultura da SCML, "outra vertente importante traduz-se na colaboração com as escolas de música, presença fortemente motivadora que este ano não será exceção, pois a 30ª Temporada encerrará com um concerto da Orquestra Geração".

A diretora anuncia ainda uma novidade para este ano, "as sessões para formação de públicos, em que o jovem maestro Martim Sousa Tavares, acompanhado de vários conjuntos instrumentais, irá durante várias semanas explicar de forma simples e acessível a todos, o que é a música dita clássica", conclui.

A Temporada apresenta um novo site no ano em que celebra 30 anos, já disponível em http://mais.scml.pt/tmsr/, onde ao longo deste ano serão atualizados todos os conteúdos sobre o certame.

15 de maio de 2018
Facebook