Agenda


Conferência “Tesouros e outros guardados de uma Rainha na República”

21 de Setembro de 2018
14:30 às 17:00
O Museu de São Roque apresenta, no próximo dia 21 de setembro, pelas 14h30, a conferência "Tesouros e outros guardados de uma Rainha na República", por Charles Faria.

"Nestes mais de trezentos anos de Minas Gerais, uma das mais ricas e também mais explosivas regiões da Coroa Portuguesa, sobre a luz do catolicismo e da cultura barroca, enorme legado foi gerado, grande parte dele de raízes portuguesas. O tropicalismo deu novo florescer a arte subsidiada pelo mecenato das irmandades religiosas mineiras, que ajudaram a imprimir junto à talha de seus templos um retrato da magnífica e suntuosa pompa proporcionada pelo ciclo do ouro. Entre as invocações mais próprias do mundo cristão, o culto a "Virgem" sempre teve lugar de destaque, de modo especial, sob o título de Nazareth. Tendo como elemento central uma escultura sacra de origem portuguesa com o título "Nossa Senhora de Nazareth" de apenas 46 cm, estudaremos como ela teria desencadeado uma produção cultural sem precedentes em um distrito da Cidade de Caeté, impulsionando as 08 principais artes já consagradas e para além delas, outras formas de expressão. Se quiser saber mais, venha conosco neste passeio pela história revisitando os tesouros e outros guardados de Maria, Mãe de Deus, Senhora de Nazareth, neste sítio tratada através de um ícone (representação de fé materializada) como uma Rainha em plena República.", Charles Eládio Nazareth Faria,Caeté, 18 de abril de 2018

Conteúdo programático:
1. Ancestralidade do culto dedicado a Nossa Senhora de Nazareth em Minas;
2. Tradições de origem portuguesa e manifestações de piedade popular;
3. Barroco tridentino: discurso, esplendor, apoteose e suntuosidade das festas;
4. A festa da padroeira e seus componentes;
5. Problemática da salvaguarda de um patrimônio de Portugal fora da Europa.

Exibição do documentário:

"Senhora do Morro Vermelho"
Produzido pela Arquidiocese de Belo Horizonte através do Memorial da Arquidiocese e Sociedade Civil Espírito Santo.

Charles Eládio Nazareth Faria

Currículo consolidado
Formação em Engenharia de Produção pela Faculdade de Engenharia de Minas Gerais; Especialização em Gerenciamentos de Projetos pela IBS/Fundação Getúlio Vargas e Técnico em Conservação e Restauração de Bens Culturais. Trabalhou durante 05 anos como gestor "in loco" da Chácara do Tinoco composta por 118 hectares de mata atlântica e cujo local abriga o Museu Casa João e Israel Pinheiro onde atuou nos seguintes projetos: restauração de monumento histórico; horta comunitária; reinserção social de reeducandos em regime prisional semiaberto. Desenvolveu projetos junto a ACIAC/CDL realizando cursos para inserção jovens e adultos no mercado de trabalho; junto a Associação dos Artesãos e Artistas de Caeté o curso para confecção de arte sacra, recuperação de técnicas tradicionais e montagem de linha de produção. Também foi professor de curso técnico de conservação restauração no IFMG/Pronatec onde lecionou 09 disciplinas diferentes. Como voluntário, participou e foi postulador do projeto premiado com o "VII Prêmio Internacional Reina Sofia" (Espanha) de 1º lugar unânime em 11 países na categoria de patrimônio imaterial. Através de intercâmbio cultural Brasil-Portugal, realizou o projeto "Demonstrativo de um legado" em Nazaré, Portugal. Atualmente presta serviço na Prefeitura Municipal de Caeté onde ingressou como diretor e recentemente assumiu o cargo de coordenador.

Informações
Tel. 213 240 869 / 86