Notícias


Apoio alargado para as pessoas em situação de sem-abrigo


Núcleo de Planeamento e Intervenção Sem-Abrigo (NPISA) ganha novos parceiros. A partir de agora vão ser 31 as entidades a olhar por esta população tão desfavorecida de recursos e de direitos, em Lisboa.

No âmbito da Estratégia Nacional para a Integração da Pessoa Sem-Abrigo, que se encontra implementada desde janeiro de 2015, o NPISA nasceu da Rede Social de Lisboa que viu a sua intervenção nos últimos Conselhos de Parceiros (2018 e 2019) ser reforçada com a assinatura da revisão do Protocolo de Parceria, que decorreu esta quarta-feira, 4 de setembro, nos Paços do Concelho. Uma cerimónia que contou com a presença do administrador da Ação Social da Misericórdia de Lisboa, Sérgio Cintra, que juntamente com outras entidades que integram este núcleo - designadamente as que constituem a Comissão Tripartida, como a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Câmara Municipal de Lisboa, Segurança Social e outros 28 parceiros -, assinaram o referido documento.  

Três novas entidades também assinaram um outro documento - Acordo de Adesão -, inscrevendo-se nesta rede como parceiros de pleno direito. São elas:  a Rede Europeia Anti Pobreza - EAPN, a Noor´Fátima Voluntariado e o Serviço de Jesuítas aos Refugiados.

Alarga-se, assim, a parceria a 31 entidades, o que constitui mais intervenção a mais cidadãos e um reforço na rede para apoiar as pessoas em condição de vulnerabilidade na cidade.