Notícias


Casa do Impacto recebe Side Event da Web Summit

A ideia transmitida pelo fundador da WebSummit, Paddy Cosgrave de que "o evento é muito mais do que uma conferência que funciona das 9h00 às 18h00", não podia estar mais correta. Ontem à noite foi a vez da Casa do Impacto, da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, receber nas suas instalações, no Convento de São Pedro de Alcântara, um Side Event da maior feira tecnológica do mundo, com o tema "A inovação social e a sua sustentabilidade na Europa".

Num ambiente descontraído, como mandam as regras de etiqueta da Web Summit, empreendedores mundiais, CEO's e entusiastas da tecnologia foram se acumulando na Sala Infinita, da Casa do Impacto, para ouvirem alguns oradores convidados a discursarem de como a inovação na área social pode ser um caminho para uma europa sustentável, resiliente e inclusiva.

Inês Sequeira, diretora da Casa do Impacto, abriu o evento dando as boas vindas a todos os presentes e começou o seu discurso por destacar o papel que a "Santa Casa tem tido no apoio ao ecossistema do empreendedorismo social".

"Acreditamos que criando as condições certas para apoiar projetos inovadores na área social a Santa Casa só terá a ganhar com a inovação que os empreendedores podem trazer", disse Inês Sequeira.

Ideia partilhada por Jeanne Bretécher, presidente da Social Good Accelerator, que afirmou ainda que "para que a comunidade de empreendedores sociais cresça e se desenvolva no espaço europeu é necessário que exista apoio e vontade política por parte de quem está no poder".

Portugal continua a ser visto como exemplo. Já este ano em conselho de Ministros foi aprovada a criação de um fundo de Inovação Social no valor de 55 milhões de euros para auxiliar no financiamento de novas startups.

Filipe Ribeiro Almeida, presidente da Portugal Inovação Social, destacou que este é um "fundo pioneiro", uma vez que na Europa "não há outros similares garantidos pelo Fundo Social Europeu e que isso mudará o paradigma dos projetos sociais".

No final do evento houve ainda lugar para alguns workshops projetados e idealizados por alguns empreendedores que diariamente utilizam o espaço co-work, da Casa do Impacto.
Hoje, 7 de novembro, a partir das 18h30, na Casa do Impacto vai estar em discussão como podemos utilizar a tecnologia e a participação cívica para construir cidades mais sustentáveis. Debate e diálogo, com vários empreendedores, empresas e decisores políticos que atuam ao nível dos municípios.

No dia 9 de novembro, sexta-feira, está agendado mais uma iniciativa da Casa do Impacto com o Impact Makers Breakfast, a partir das 09h30, que irá juntar num pequeno-almoço informal startups de impacto com um convidado com experiência comprovada, num dos eixos de atuação do novo projeto de empreendedorismo da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.