Notícias


Jogos Santa Casa voltam a premiar mérito académico e desportivo

18 Março 2019
As Bolsas de Educação Jogos Santa Casa pretendem incentivar a conciliação da carreira académica com a carreira desportiva dos atletas portugueses.

Os Jogos Santa Casa, no âmbito da parceria com a Federação Académica do Desporto Universitário (FADU), voltam a atribuir Bolsas de Educação aos estudantes-atletas que, em 2018,  conseguiram os melhores resultados desportivos em Campeonatos do Mundo Universitários, e que, simultaneamente, também obtiveram aproveitamento escolar no ano letivo 2017/2018.

A cerimónia realizou-se, esta segunda-feira, 18 de março, no Museu Nacional do Desporto (Palácio Foz - Praça dos Restauradores), e contou com as presenças do secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo, do provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Edmundo Martinho, do diretor geral do Ensino Superior, João Queiroz, e do presidente da Federação Académica do Desporto Universitário, Daniel Monteiro. 

Edmundo Martinho, provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, salientou que a iniciativa é "um reconhecimento aos atletas que conseguiram compatibilizar prática desportiva e o aproveitamento académico".

O provedor realçou que a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa "é provavelmente a entidade que mais apoia o desporto", garantindo que este compromisso "é para continuar e aprofundar". 

Foram atribuídas 10 bolsas, no valor de 1.000 euros cada uma, a atletas  de ciclismo -  BTT downhill, futsal feminino e andebol masculino. 

Já João Paulo Rebelo defendeu ser fundamental continuar a trabalhar nas carreiras duplas (desportivas e académicas). "Temos que privilegiar quem quer conciliar uma carreira no alto rendimento com os estudos", elogiando a iniciativa da Misericórdia de Lisboa.

Daniel Monteiro partilha da mesma opinião, em relação a esta iniciativa: "estamos a premiar a qualidade nacional".

Grandes estudantes, grandes atletas

Raquel Santos, 20 anos, medalha de bronze no Campeonato do Mundo Universitário de Futsal 2018, sente um misto de orgulho e reconhecimento. "Acima de tudo, esta bolsa é um incentivo para continuar a estudar e praticar desporto".

Já David Martins, 20 anos, medalha de ouro no Campeonato do Mundo Universitário de Ciclismo 2018 (BTT Downhill), não estava a espera de receber a bolsa. "Foi uma surpresa. Este reconhecimento é importante e dá-me força para continuar o empenho e esforço que tenho feito até aqui".

Os Jogos Santa Casa patrocinam a Federação Académica do Desporto Universitário desde 2016, sendo que em 2017 passaram, igualmente, a ser parceiros do programa de carreiras duais. Em 2018 reforçaram esta ligação, passando a ser o principal patrocinador da FADU.